Arbitragem - Cacisp

Arbitragem é um sistema extrajudicial de solução de controvérsias, referentes a direitos patrimoniais disponíveis, em que as partes, de comum acordo, nomeiam um terceiro que irá solucionar o conflito. Ressalta-se que se a arbitragem é regulamentada pela Lei nº 9307/96.


Arbitragem

Arbitragem

A arbitragem no direito brasileiro é uma forma alternativa ao Poder Judiciário de dirimir conflitos, através da qual as partes estabelecem em contrato ou simples acordo que vão utilizar o juízo arbitral para solucionar controvérsia existente ou eventual em vez de procurar o poder judiciário. A sentença arbitral tem o mesmo efeito da convencional, sendo obrigatória entre as partes. Por tratar-se de uma justiça privada, desponta como uma alternativa célere à morosidade do sistema judicial Estatal, morosidade essa que teve sua redução como um dos principais enfoques do Anteprojeto do novo Código de Processo Civil.

Cacisp

Atualmente, faculta o Código Civil a introdução nos contratos de cláusula compromissória para a solução de divergências, mediante a arbitragem, na forma estabelecida em lei especial, a Lei 9307/96. A restrição imposta, pelo Código Civil às relações jurídicas indisponíveis, não tem respaldo doutrinário nem legal. Uma outra grande mudança que veio com a Lei 9307/96 foi a modificação da legislação anterior, a qual previa que o laudo arbitral (a decisão do árbitro) deveria ser validado por um juiz de direito, através de um procedimento judicial de homologação, isto (na quase totalidade dos casos) demandava muito tempo, permitindo recursos da parte vencida, o que retirava todos os atrativos da arbitragem. Já a Lei 9307/96 fez uma inovação dispondo que a sentença arbitral (nova denominação do laudo arbitral) tem a mesma eficácia da sentença judicial, prescindindo de homologação de qualquer natureza. Outra novidade trazida é na parte onde dispõe que a cláusula de arbitragem inserida nos contratos tem força obrigatória entre as partes.


Características

A arbitragem constitui o meio alternativo para a solução de litígios sem intervenção de um juiz de direito ou qualquer outro órgão estatal, não rivaliza com o Judiciário, nem contra ele atenta, pois o Poder Judiciário independente e forte constitui o esteio do Estado de Direito. Dentre as vantagens da arbitragem, pode-se dizer que, principalmente, afasta o exagerado formalismo da Justiça Estatal, processando-se com a máxima celeridade, sem ferir, obviamente, os cânones legais e a Constituição. A flexibilidade é uma constante. A formalidade representa, efetivamente, a morte da arbitragem. Pode ser firmada por cláusula arbitral (também chamada de cláusula compromissória, é firmada junto ao contrato - ou em anexo a este - mas sendo sempre independente deste) ou por compromisso arbitral (após dada a controvérsia). Além disso, as partes escolhem o árbitro e o procedimento a ser adotado, bem como determinam o prazo para a conclusão da arbitragem. O processo é sigiloso; só as partes podem quebrar o sigilo. Apesar disso tudo, a arbitragem ainda é praticamente desconhecida devido à deficiência legislativa. No regime legal anterior, quando os contratantes previam a arbitragem em seus contratos, esta cláusula não tinha força obrigatória, ou seja, entendia-se não haver obrigação de resolver as questões surgidas pelo meio dela, o que estimulava a parte inadimplente a recusar a arbitragem e ir para à justiça comum, muito mais demorada.

Dúvidas Frequentes

Arbitragem Cacisp

Como proceder diante de uma controvérsia quando tenho um contrato que prevê a solução por arbitragem?

Verificar o teor da cláusula arbitral e agir conforme nela estabelecido. Quando for uma arbitragem institucional deve ser seguido o que diz o regulamento, que estabelece todos os passos da arbitragem, desde a comunicação, nomeação de árbitros, forma de apresentar defesa, juntada de documentos, etc. Quando for arbitragem ad hoc, comunicar a outra parte que deseja instituir a arbitragem e indicar o provável árbitro.

Qual a lei que regulamenta a Arbitragem?

É a Lei nº 9307, de 23 de setembro de 1996, a qual veio atualizar a legislação referente ao instituto arbitral no ordenamento pátrio.

O que é convenção de Arbitragem?

Convenção é forma pela qual a arbitragem pode ser instituída. Há dois instrumentos que podem ser utilizados para escolher a arbitragem: a cláusula compromissória e o compromisso arbitral.

O que é cláusula compromissória e quais os seus efeitos?

A cláusula compromissória é o instrumento inserido em um contrato, por meio do qual as partes, de comum acordo, comprometem-se a submeter à arbitragem todos os litígios que possam vir a surgir decorrentes de tal contrato. Havendo cláusula compromissória, nenhuma das partes contratantes poderá recusar o procedimento arbitral, ou seja, o seu cumprimento é obrigatório, gera entre os contratantes a impossibilidade de utilizar a jurisdição ordinária.

Quem pode utilizar a Arbitragem?

Poderão recorrer à arbitragem as pessoas físicas maiores de 18 anos, que tenham discernimento e que possam exprimir sua vontade, e também as pessoas jurídicas.

O que é compromisso arbitral?

Compromisso arbitral é o outro instrumento utilizado para escolher a arbitragem. Ao contrário da cláusula compromissória que é redigida antes do surgimento de um problema, o compromisso arbitral elege o procedimento arbitral como meio de solução de determinado conflito. Deve-se ressaltar que a escolha da arbitragem deve ter sido feita de comum acordo pelas partes, pois ninguém pode ser obrigado a assinar um compromisso arbitral ou um contrato que contenha uma cláusula compromissória.

O que pode ser resolvido por Arbitragem?

Poderá ser resolvido por arbitragem qualquer controvérsia ou conflito que envolva direitos patrimoniais disponíveis.

O que são direitos patrimoniais disponíveis?

Os direitos patrimoniais disponíveis são aqueles que podem ser transacionados por seus titulares, pois fazem parte do âmbito meramente individual, ou seja, compreendem os direitos que podem ser avaliados pecuniariamente.

Existe no Brasil a arbitragem compulsória ou obrigatória?

Não. A Lei nº 9.307/96 prevê a arbitragem facultativa, isto é, as partes elegem a arbitragem num contrato se quiserem. Mas, a partir do momento que escolhem a arbitragem, estarão obrigadas a cumprir o estabelecido no contrato, não podendo propor ação judicial.

O que é arbitragem institucional?

É uma das formas de operacionalizar a arbitragem. Quando em um contrato a cláusula arbitral se reporta a uma instituição arbitral para administrar o procedimento arbitral. Também é chamada de arbitragem administrada. Esta instituição tem um regulamento que determina como a arbitragem deve transcorrer.




Mais visitados

Tags: Arbitragem, Arbitragem Cacisp, Arbitragem de São Paulo, Arbitragem para Mediação, Arbitragem para Conciliação, Arbitragem e camara arbitral, Arbitragem e homologação, Arbitragem de conflitos.

Regiões onde a Cacisp atende:


  • Arbitragem na Aclimação
  • Arbitragem na Bela Vista
  • Arbitragem no Bom Retiro
  • Arbitragem no Brás
  • Arbitragem no Cambuci
  • Arbitragem no Centro
  • Arbitragem na Consolação
  • Arbitragem em Higienópolis
  • Arbitragem no Glicério
  • Arbitragem na Liberdade
  • Arbitragem na Luz
  • Arbitragem no Pari
  • Arbitragem na República
  • Arbitragem na Santa Cecília
  • Arbitragem na Santa Efigênia
  • Arbitragem na Sé
  • Arbitragem na Vila Buarque
  • Arbitragem na Brasilândia
  • Arbitragem em Cachoeirinha
  • Arbitragem na Casa Verde
  • Arbitragem no Imirim
  • Arbitragem no Jaçanã
  • Arbitragem no Jd São Paulo
  • Arbitragem em Lauzane
  • Arbitragem no Mandaqui
  • Arbitragem em Santana
  • Arbitragem no Tremembé
  • Arbitragem no Tucuruvi
  • Arbitragem na Vila Guilherme
  • Arbitragem na Vila Gustavo
  • Arbitragem na Vila Maria
  • Arbitragem na Vila Medeiros
  • Arbitragem na Água Branca
  • Arbitragem no Bairro do Limão
  • Arbitragem na Barra Funda
  • Arbitragem no Alto da Lapa
  • Arbitragem no Alto Pinheiros
  • Arbitragem no Butantã
  • Arbitragem na Freguesia do Ó
  • Arbitragem no Jaguaré
  • Arbitragem no Jaraguá
  • Arbitragem no Jd Bonfiglioli
  • Arbitragem na Lapa
  • Arbitragem no Pacaembú
  • Arbitragem em Perdizes
  • Arbitragem no Perús
  • Arbitragem em Pinheiros
  • Arbitragem em Pirituba
  • Arbitragem na Raposo
  • Arbitragem no Rio Pequeno
  • Arbitragem em São Domingos
  • Arbitragem no Sumaré
  • Arbitragem na Vila Leopoldina
  • Arbitragem na Vila Sonia
  • Arbitragem no Aeroporto
  • Arbitragem na Água Funda
  • Arbitragem no Brooklin
  • Arbitragem no Campo Belo
  • Arbitragem no Campo Grande
  • Arbitragem no Campo Limpo
  • Arbitragem no Capão Redondo
  • Arbitragem na Cidade Ademar
  • Arbitragem na Cidade Dutra
  • Arbitragem na Cidade Jardim
  • Arbitragem no Grajaú
  • Arbitragem no Ibirapuera
  • Arbitragem em Interlagos
  • Arbitragem no Ipiranga
  • Arbitragem no Itaim Bibi
  • Arbitragem no Jabaquara
  • Arbitragem no Jd Ângela
  • Arbitragem no Jd América
  • Arbitragem no Jd Europa
  • Arbitragem no Jd Paulista
  • Arbitragem no Jd Paulistano
  • Arbitragem no Jd São Luiz
  • Arbitragem no Jardins
  • Arbitragem no Jockey Club
  • Arbitragem no M'Boi Mirim
  • Arbitragem em Moema
  • Arbitragem no Morumbi
  • Arbitragem em Parelheiros
  • Arbitragem em Pedreira
  • Arbitragem no Sacomã
  • Arbitragem em Santo Amaro
  • Arbitragem na Saúde
  • Arbitragem em Socorro
  • Arbitragem na Vila Andrade
  • Arbitragem na Vila Mariana
  • Arbitragem na Água Rasa
  • Arbitragem em Anália Franco
  • Arbitragem em Aricanduva
  • Arbitragem em Artur Alvim
  • Arbitragem em Belém
  • Arbitragem na Cidade Patriarca
  • Arbitragem na Cidade Tiradentes
  • Arbitragem em Engenheiro Goulart
  • Arbitragem em Ermelino
  • Arbitragem em Guianazes
  • Arbitragem em Itaim Paulista
  • Arbitragem em Itaquera
  • Arbitragem em Jd Iguatemi
  • Arbitragem em José Bonifácio
  • Arbitragem na Moóca
  • Arbitragem no Pq do Carmo
  • Arbitragem no Pq São Lucas
  • Arbitragem no Pq São Rafael
  • Arbitragem na Penha
  • Arbitragem na Ponte Rasa
  • Arbitragem em São Mateus
  • Arbitragem em São Miguel
  • Arbitragem em Sapopemba
  • Arbitragem no Tatuapé
  • Arbitragem na Vila Carrão
  • Arbitragem na Vila Curuçá
  • Arbitragem na Vila Esperança
  • Arbitragem na Vila Formosa
  • Arbitragem na Vila Matilde
  • Arbitragem na Vila Prudente
  • Arbitragem em São Caetano
  • Arbitragem em São Bernardo
  • Arbitragem em Santo André
  • Arbitragem em Diadema
  • Arbitragem em Guarulhos
  • Arbitragem em Suzano
  • Arbitragem em Ribeirão Pires
  • Arbitragem em Mauá
  • Arbitragem em Embu
  • Arbitragem em Embu Guaçú
  • Arbitragem em Embu das Artes
  • Arbitragem em Itapecerica
  • Arbitragem em Osasco
  • Arbitragem em Barueri
  • Arbitragem em Jandira
  • Arbitragem em Cotia
  • Arbitragem em Itapevi
  • Arbitragem em Santana de Parnaíba
  • Arbitragem em Caierias
  • Arbitragem em Franco da Rocha
  • Arbitragem em Taboão da Serra
  • Arbitragem em Cajamar
  • Arbitragem em Arujá
  • Arbitragem em Alphaville
  • Arbitragem em Mairiporã
  • Arbitragem em Bertioga
  • Arbitragem em Cananéia
  • Arbitragem em Caraguatatuba
  • Arbitragem em Cubatão
  • Arbitragem no Guarujá
  • Arbitragem em Ilha Comprida
  • Arbitragem em Iguape
  • Arbitragem em Ilhabela
  • Arbitragem em Itanhaém
  • Arbitragem em Mongaguá
  • Arbitragem em Riviera
  • Arbitragem em Santos
  • Arbitragem em São Vicente
  • Arbitragem em Praia Grande
  • Arbitragem em Ubatuba
  • Arbitragem em São Sebastião
  • Arbitragem em Peruíbe
  • Arbitragem Preço
  • Arbitragem Orçamento
  • Arbitragem Onde Encontrar
  • Arbitragem Melhor Empresa
  • Arbitragem Mais Barato
  • Arbitragem Cotação
  • Arbitragem Promoção
  • Arbitragem Menor Preço
  • Arbitragem Confiança
  • Arbitragem Qualidade
  • Arbitragem Entrega Imediata
  • Arbitragem Original
  • Arbitragem Fornecedor
  • Arbitragem Distribuidora
  • Arbitragem Revendedora
  • Arbitragem Industrial
  • Arbitragem Fornecimento
  • Arbitragem Catálogo
  • Arbitragem Importação
  • Arbitragem Especiais
  • Arbitragem Empresa

ENTRE EM CONTATO